Turismo à luz do patrimônio cultural: uma abordagem sobre a identidade, memória e conservação dos Monólitos de Quixadá (CE)

Autores

  • Hermógenes Henrique Oliveira Nascimento Secretaria Estadual do Meio Ambiente do Ceará, Fortaleza, CE

DOI:

https://doi.org/10.34024/rbecotur.2017.v10.6559

Palavras-chave:

Turismo, Patrimônio Cultural, Memória Coletiva, identidade, Unidades de Conservação.

Resumo

O presente trabalho tem o objetivo de analisar como a relação entre identidade, memória e conservação podem contribuir para o desenvolvimento do turismo utilizando elementos do patrimônio cultural do Monumento Natural Os Monólitos de Quixadá. Para isso, desenvolveram-se processos de investigação calcados principalmente em uma abordagem qualitativa com metodologia baseada na análise de conteúdo. Utilizou-se de pesquisas bibliográficas, em fontes documentais e empíricas. Essas consistiram em uma pesquisa de campo indagada a três grupos determinados pelo pesquisador que foram: da comunidade local inseridas na referida Unidade de Conservação (UC) (35 entrevistas), dos governos locais (5) e da iniciativa privada (10) envolvidos com o turismo e a cultura. E a partir dessa averiguação, identificaram-se aspectos da memória coletiva que contribuiu para conhecer a história local e determinando, dessa forma, quais os bens culturais na visão desses grupos que são representativos à cidade e que formam a identidade quixadaense constituindo no seu patrimônio. O trabalho é estruturado em três capítulos: Turismo nas Unidades de Conservação e sua relação com a problemática de estudo; Apreciação do Legado Histórico e sua Importância para o Desenvolvimento Local: O caso de Quixadá/CE; A Herança dos Monólitos de Quixadá: Reflexões, Impactos e Transformação Turística. Em suma, diz-se que as discussões colocadas em tela são referentes a um contexto dialético e subversivo entre grupos sociais que refletem em uma transformação antagônica dos valores culturais existentes nessas áreas protegidas que são permeados pela memória e identidade da população ao longo do tempo acarretando no fator depreciativo da conservação do patrimônio local. Por fim, entende-se que para ocorrer o desenvolvimento sustentável do turismo com enfoque na cultura é imprescindível que a relação entre memória, identidade e conservação se concretize na sociedade local. Tourism in the light of cultural heritage: an approach on the identity, memory and conservation of Monoliths Quixada (CE) (Brazil) ABSTRACT The aim of this work to examine how the relationship between identity, memory and conservation can contribute to the development of tourism using elements of the cultural heritage of Quixada. Therefore, procedures are developed for research based mainly to a qualitative approach with methodology proposed by Bardin. The bibliographic used searches on documentary sources and empirical. These consisted of a local search asked the three groups that were determined by the researcher: the local community (35 interviews), government (5) and private initiative (10) involved with tourism. And from that investigation identified aspects of the collective memory that contributed to know the local history and determining thus what the cultural vision in these groups that are representative to the city and to form the tourense identity is in it’s heritage. The work is divided into three chapters: Tourism in Protected Areas and its relationship to the study of the problem; Findings of Historical Legacy and its Importance for Local Development: The case of Quixada/CE; The Heritage of monoliths Quixada: Reflections, Impacts and Tourism Transformation. In short, it says that the discussions are put on screen for a logical and subversive connection between social groups that reflected in a opposite transformation cultural values existing in the city that are conducted the memory and identity of the population over time causing the devalued factor the conservation of local heritage. Finally, it understood that to occur sustainable tourism development with a focus on culture is essential that the relationship between memory, identity and conservation firm in local society. KEYWORDS: Tourism; Cultural Heritage; Collective Memory; Identity; Protects Areas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Hermógenes Henrique Oliveira Nascimento, Secretaria Estadual do Meio Ambiente do Ceará, Fortaleza, CE

Trabalho executado pela Célula da Conservação da Diversidade Biológica - CEDIB da Coordenadoria de Biodiversidade - COBIO

Downloads

Publicado

02/28/2017

Como Citar

Nascimento, H. H. O. (2017). Turismo à luz do patrimônio cultural: uma abordagem sobre a identidade, memória e conservação dos Monólitos de Quixadá (CE). Revista Brasileira De Ecoturismo (RBEcotur), 10(1). https://doi.org/10.34024/rbecotur.2017.v10.6559
Recebido: 2016-08-29
Aceito: 2016-10-15
Publicado: 2017-02-28

Artigos Semelhantes

<< < 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 > >> 

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.